Entrevista: Fernanda Zau fala sobre o cenário atual do teatro brasileiro e sua carreira no youtube

Em seu canal do youtube a carioca de 31 anos, Fernanda Zau, se descreve como: “Atriz nos palcos, boba da corte na vida, roteirista de guardanapo de fast food e mãe do gato Neo que tem preguiça de gravar.” Dona de vídeos hilários e seguindo uma linguagem mais irônica no humor Fernanda tem conquistado muitos fãs. Em números ela possui mais de 185 mil inscritos no youtube, mais de 19 mil seguidores no twitter e cerca de 17 mil no instagram, os vídeos de seu recente canal possuem, juntos, quase 7,5 milhões de visualizações. Já trabalhou como figurinista, é atriz de teatro, youtuber e acha o snap meio narcisista.

Plural de um jeito único, Fernanda Zau falou um pouco sobre o cenário atual do teatro e seu trabalho na internet em uma entrevista que fiz com ela via e-mail. Teve até a famosa sessão mendigação.

Confira:

Nauan: Com quantos anos você decidiu ser atriz? Houve alguma inspiração na época?

Fernanda Zau: Eu sempre digo que não decidi ser atriz, minha mãe me colocou num curso de teatro quando eu tinha 7 anos porque eu era uma criança muito tímida, ao contrário do que se esperava, eu gostei Rs…  Então foi um caminho natural que fui seguindo por amar e aí não parei mais.

Nauan: Ao pesquisar teu nome no Google eu já esperava ver seus trabalhos como atriz, seus vídeos no Youtube (nos quais sou fã), mas me surpreendi um pouco sobre o fato de você já ter feito trabalhos como figurinista. Como você consegue conciliar tudo isso?

Fernanda Zau: Eu cursei Moda por um tempo (não cheguei a terminar) o que me deu experiência pra trabalhar com figurino. Mas já faz bastante tempo que não trabalho com isso.

11029899_10204732466461927_206056402743016824_n
“O teatro é a base e quanto a literatura acho que é óbvio, o ator é um contador de histórias, como pode não se interessar por histórias?”

Nauan: Como você vê o cenário atual do teatro brasileiro? Você acha que ele está vivendo uma boa fase?

Fernanda Zau: Pras grandes produções sempre, mas pras pequenas ainda é difícil, a dificuldade de patrocínio é a grande vilã das produções e quando se alia ao pouco hábito que a grande maioria brasileira tem de frequentar o teatro, não fecha a conta, entende? Quanto a qualidade varia muito, tem muitas pequenas produções com trabalhos simples e incríveis e muitas grandes produções ruins.

Nauan: Um ator brasileiro comentou certa vez que não gostava de teatro e nem de literatura. O que você acha desse tipo de declaração? Você acredita que alguns atores em ascensão na TV deveriam passar pelo crivo do teatro?

Fernanda Zau: Esse debate é longo Rs… Bem, eu acho importante sim, o teatro é a base e quanto a literatura acho que é óbvio, o ator é um contador de histórias, como pode não se interessar por histórias? Por outro lado, como a Fernanda Montenegro disse, “a TV é a arte da edição” então é possível tornar um trabalho ruim, razoável, é possível “fabricar” artistas. Mas acho que hoje em dia encontrar um artista nato, é muito difícil e isso é debate pra longas horas Rs…

Nauan: Sobre o Youtube: Quando você decidiu fazer um canal? Qual era tua expectativa?

Fernanda Zau: Eu tinha acabado de sair de uma temporada no teatro, estava naquela deprê pós peça, Rs… Vida de artista é assim, uma hora você está cheia de trabalhos e na outra não tem nada, pra você ter uma ideia, nem a TV está fazendo mais contrato vitalício, só com os antigos e olhe lá. Bom, sem enrolar mais, nessa época eu tinha descoberto os vídeos no YouTube, um amigo pessoal meu já tinha canal, o Chico Rezende, então pensei “Por que não fazer?” fiz. Isso foi em 2012, meu canal antigo, esse atual comecei ano passado.

Nauan: Hoje você tem o seu canal e faz parte do ‘Impurificáveis’. Como surgiu o ‘Impurificáveis’?

Fernanda Zau: Acho que nunca falei claramente isso, mas o dono do canal ‘Impurificáveis’ é meu namorado, nós moramos juntos. Nós já produzimos muitas coisas juntos, ele também é de teatro, tínhamos uma companhia e ele acabou embarcando na minha ideia de entrar pro YouTube. Eu o ajudo na direção, preparação de elenco e divulgação, mas o conteúdo é dele, roteiro, edição, direção de cena e câmera man, bofe Bombril, 1001 utilidades, RS… Mas ele é o IMPURIFICÁVEL, Rs… Como ele não aparece e nem todo mundo lê os créditos, acho que isso nunca ficou muito claro.

10896905_799212926828547_4146206564901398233_n
“Poder ser ouvida, trocar opiniões e experiências é maravilhoso, eu sinto uma conexão muito grande com as pessoas que me acompanham”

Nauan: Tem alguma atriz que você te inspira, seja para fazer os vídeos ou para as peças teatrais (apesar de serem linguagens distintas)?

Fernanda Zau: Nossa, eu gosto e admiro milhões de atrizes, mas não tenho uma inspiração específica, cada trabalho é um trabalho, a gente meio que tem que morrer pra nascer de novo, tem todo um processo de desconstrução.

Nauan: Com o Facebook valorizando a postagem de vídeos, gerando contador e outros benefícios. Você acredita que haverá uma migração dos youtubers para o Facebook de forma definitiva?

Fernanda Zau: Não sei te responder, mas se passar a gerar receita, quem sabe?

Nauan: Através do seu trabalho na internet você já conseguiu realizar algum sonho ou desejo?

Fernanda Zau:  Olha, o fato de poder passar mensagens e ter um alcance expressivo é muito gratificante, poder ser ouvida, trocar opiniões e experiências é maravilhoso, eu sinto uma conexão muito grande com as pessoas que me acompanham e essa troca tão rápida e direta é fantástica, eu aprendo muito a cada vídeo que lanço e como curiosa que sou, acho que isso só me enriquece.

Nauan: Fernanda, manda um recado para os leitores do ‘Sério, Nauan?’.

Fernanda Zau: Bom, e agora ta na hora do queeeee??? Sessão Mendigação… RS… Galera obrigada pela visita, quem não conhece meu canal, corre pra conhecer e continuem frequentando o blog!!! (Falei direitinho?) RS… Beijo a todos!
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=O7p-k2cSW-k]

Clique aqui e conheça o canal da Fernanda Zau.

Share This:

Nauan Sousa

Jornalista, social media e fã de cultura pop. Não gosto de determinar, prefiro analisar. Gosto de palavras, séries, doce e cerveja. Provavelmente você não irá com minha cara logo de cara, mas se você me der 3 minutos e 10 segundos posso te convencer que o 'Sério, Nauan?' vale sua visualização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.